Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Daisypath Anniversary tickers "... E de novo acredito que nada do que é importante se perde verdadeiramente. Apenas nos iludimos,julgando ser donos das coisas, dos instantes e dos outros. Comigo caminham todos os mortos que amei, todos os amigos que se afastaram, todos os dias felizes que se apagaram. Não perdi nada, apenas a ilusão de que tudo podia ser meu para sempre." Miguel sousa tavares

Viagem solitária

por samokal, em 04.12.17

Aproveitei este fim de semana de 3 dias para me meter na estrada, só eu e a minha mota.
Sem destino, sem horário, sem gps , com telemóvel em uso estritamente necessário. ..
Apenas o frio constante e o cheiro a lenha queimada das lareiras,libertada pelas chaminés das casas por onde fui passando, como fiéis companheiros. 
Uma experiência que me proporcionou cenários magníficos, aromas únicos e sensações indescritíveis. 
Sozinho no meu capacete fervilharam pensamentos, arrumaram -se ideias e definiram-se metas.

Sabe bem passar algum tempo connosco próprios, libertar-nos de tudo que torna os nossos dias completamente controlados.

 Apenas o ronco da mota me ligava a algumas das actividades feitas habitualmente, de resto, consegui-me libertar daquele aparelho que nos controla e marca a velocidade, o telefone, do relógio e das responsabilidades. 

Foi bom não ter pressa , não saber sequer onde iria passar ou mesmo parar, as paragens foram marcadas pelas necessidades básicas, não houve hora para comer , mas sim comer quando o corpo assim pediu.

As paragens para pernoitar foram escolhidas pelo frio que se tornou insustentável assim que a noite caiu, e a hora de partir de manhã foi regulada pelo acordar natural, sem despertador !

Uma experiência rica que espero repetir, pelo menos, um vez por ano.

20171202_155915.jpg

24550132_1720890894597399_448138089_n.jpg

20171203_124143.jpg

20171203_143853.jpg

24331148_1720890871264068_1631424606_n.jpg

20171203_152356.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

terceiro dia -Forte bravo

por samokal, em 01.05.17

Hoje o dia foi de descanso, aproveitar aquilo que tabernas nos têm para dar:  Os cenários que serviram de fundo a muitos westerns!

 

Pequeno almoço no Hostal e seguimos logo para o Forte bravo, um dos locais onde se filmaram grandes sucessos western!

Foi um dia muito animado, onde conseguimos viver um pouco a época, bons cenários e uma equipa de actores que nos brindou com  dois espectáculos temáticos, um no salom e outro na praça central, onde não faltaram cenas de pancadaria, tiroteios , quedas  e cavalgadas empolgantes.

20170501_115551.jpg

20170501_143652.jpg

 Com a historia das motas acabámos por travar alguma afinidade com os actores, de forma que nos permitiram, em forma de excepção, entrar no recinto com as nossas maquinas.

Eles acabaram por se divertir connosco, tirar umas fotos nas motas e da mesma forma fomos dar uma voltinha de carroça!

18198299_1561950147172768_4097509064472764766_n.jp

 Chegada a hora de partir, foi com abraços e troca de contactos que deixámos o Forte bravo, seguimos então para Alemería para visitar um motoclube local, onde fomos recebidos com grande afecto e estima.

Um de nós teve um problema com a lâmpada de stop/presença que foi solucionado com o contributo destes prestáveis irmãos da estrada!

seguiu-se uma pequena viagem de regresso ao hostal, onde acabámos por jantar e recuperar forças para o que ainda falta !

Foi um dia de poucos quilómetros , cerca de 80...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Segundo dia- A chegada a Tabernas

por samokal, em 30.04.17

Segundo dia de run começa cedo com o pequeno almoço em belmaz, apesar da difícil compreensão entre dois povos, supostamente, irmãos, até se conseguiu comer uma bela torra e uma espécie de galão a um preço bem em conta.

O hostal Javi , onde ficámos hospedados, não tinha esse serviço, em compensação arranjou uma garagem para deixarmos as motas abrigadas e em segurança.

18268504_1560945093939940_1565232961313080397_n.jp

 

 

A primeira tirada foi de 140 km até umas bombas algures no meio de nenhures, atestar maquinas um pouco de conversa sobre algumas incidências do trajecto e novamente para a estrada.

18198703_1391592700887128_3600865502869989380_n.jp

 

 

Paisagens deslumbrantes, estradas a perder de vista e quase não se vêm sinais de vida.

Mais 130 km e nova paragem , estamos na serra nevada, alguns picos ainda com neve servem de fundo a paisagens com certeza tiradas de algum filme.

 

Aproveitamos para almoçar e desentorpecer as pernas.

18199523_1391566720889726_2663845189638489093_n.jp

18221761_1391566607556404_1037550296144023728_n.jp

 

 

A viagem prossegue em direcção a Almeria, as  serras começam rapidamente a se transformarem em desfiladeiros e desertos, sinal que nos aproximamos do deserto de tabernas , o nosso destino.

Conseguimos circular bastante tempo sem nos cruzarmos com qualquer veiculo, se por um lado é mesmo de uma liberdade enorme , por outro lado, se juntarmos a esta solidão uma imensa vastidão ao alcance dos olhos, é assustador pensar que se acontece alguma coisa não haverá nada nem ninguém por ali  para nos socorrer.

18268365_1391565924223139_281516289941764897_n.jpg

 

 

Chegados a tabernas , encontramos um hostal simpático e fomos jantar ao route66, um bar tipicamente americano, onde nos serviram uns belos hambúrgueres.

18157869_1560945000606616_7008893081480918290_n.jp

18222078_1560949443939505_7224696540547927898_n.jp

 

 

 

Amanhã é dia de conhecer os estúdios onde gravavam os westerns e descansar um pouco.

 

Trajecto do dia :

Belmez- Córdoba-Jaen- séron- Velefique- Tabernas  cerca de 470 km

Até amanhã

18157880_1561068053927644_7972384482231054103_n.jp

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

As Baratas

por samokal, em 17.04.13

 As baratas por Luanda tomam proporções assustadoras... Atingem tamanhos que as tornam uma companhia ainda mais desagradável, felizmente só contactei visualmente com algumas a uma distancia razoavelmente segura de casa !!!


Bem...pelo menos não eram assim tão grandes


Autoria e outros dados (tags, etc)

Passadeira

por samokal, em 02.04.13

 As passadeiras aqui servem apenas de elemento decorativo , aliás , tentar atravessar a rua é uma verdadeira aventura .

 

Mal o menos se a única situação complicada no transito fossem as passadeiras , aqui a estrada é uma verdadeira aventura , eu tento ver as coisas do lado positivo , imagino-me  no meio de um filme cómico .  È ultrapassagens pela direita , esquerda , e berma , estradas de duas faixas podem caber até quatro!!! 

 uma faixa para cada lado mas o transito parado ," no problem" ultrapassa-se ate vir alguém de frente , quando vier encostasse.

aqui vale mesmo tudo !

 

A buzina já faz parte do dia da dia de um condutor , eles buzinam tal como respiram , nem precisam fazer aquela cara stressada  que geralmente se combina com a buzinadela , é tudo na descontra , buzina e acelera !!!



mais umas fotos desta terra ... ok ..nao tem nada a ver com o post , aguentem-se !!!


 

 

 

 




Autoria e outros dados (tags, etc)

A poça

por samokal, em 29.03.13

 Hoje fui a pé para o trabalho , as ruas têm muita agua , é basicamente de esgotos  , as descargas são feitas directamente para a rua , ou da lavagem dos carros . 

    hoje numa dessas poças estava um senhor a encher uma garrafa , embora me parecesse nojento, ja me começo a habituar a este tipo de situações, ou melhor ...julgava que estava , porque conseguem sempre me surpreender. Após encher a garrafa , pô-la á boca e bebeu.

 

Diga-se que me ia vomitando , é que aqui, nem a agua da torneira eu bebo , e quem a bebe ferve-a primeiro!

 

 

A poça foi esta , por acaso já tinha publicado esta foto, mas volto a repeti-la só para terem uma ideia



Para não se queixarem que ando a passar fotos repetidas , aqui vão mais , relembro que tiradas de telemovel e discretamente 

 

 

 

 


 

 


Autoria e outros dados (tags, etc)

Domingo

por samokal, em 25.03.12

Como as previsões meteorológicas apontavam para um fim de semana chuvoso , e de facto ontem , ainda que de uma forma um pouco envergonhada e lamacenta , acabou mesmo por chover , eu aproveitei o meu único dia de descanso para hibernar .

 

Quando acordei , fui á janela e ....fonixxxxxxx!  que dia lindo !!!!

 

 

Não perdi muito tempo a pensar na bela manhã que tinha perdido, mas sim a pensar no que ainda podia fazer com o tempo que restava ... assim lá fui eu para o banho , liguei para os miúdos a perguntar se queria ir dar uma volta ( resposta positiva ) e lá fomos nós passear .

 

Para onde haveria de ir ??? para a minha santa terrinha ... fiz uma visita guiada aos locais da minha infância , escolas , locais onde brinquei , a maternidade onde nasci acabando  num passei pedonal á beira mar .

 

Oeiras nestes dias parece que têm mel , as praias e passeio marítimo enchem  como se aquele fosse o único local com sol e cheiro maril ( sim ...acabei de inventar esta palavra , o blog é meu eu invento o que quero !!!) .

 

Seguimos então o nosso passeio em direcção a Lisboa com paragens em vários pontos de interesse .

 

Uma tarde de verão , em pleno inicio de primavera , muito revigorante .

Venha agora a semana de trabalho que estou pronto , mesmo com menos uma hora de fim de semana !!!

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sempre Linda

por samokal, em 03.03.08

 Cada vez que lá vou fico sempre com vontade de não partir,

Quando tenho mesmo que partir prometo voltar em breve,

Mas demoro sempre tanto a voltar...

Como consigo estar tanto tempo sem disfrutar daquele sossego , como posso estar tanto tempo sem estar com quem tanto gosto ? Desta vez não vou ficar tanto tempo sem voltar , A Zambujeira  do mar tem algo que chama sempre por mim , devem ser as origens ...Ontem saí daquela bela terra com esta imagem  ...

         

Autoria e outros dados (tags, etc)


Passaram cá ...

counters


Mais sobre mim

foto do autor




Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D