Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Daisypath Anniversary tickers "... E de novo acredito que nada do que é importante se perde verdadeiramente. Apenas nos iludimos,julgando ser donos das coisas, dos instantes e dos outros. Comigo caminham todos os mortos que amei, todos os amigos que se afastaram, todos os dias felizes que se apagaram. Não perdi nada, apenas a ilusão de que tudo podia ser meu para sempre." Miguel sousa tavares

A vida

por samokal, em 13.04.11

Nem sempre a vida acontece como desejamos, tudo nela é pago .Quando manda a conta a factura é demasiado elevada,
um preço dificil de pagar.Ela exige mais do que dá. Dá-nos alegrias instantaneas, sorrisos momentaneos, amores fugazes.
 Enche-nos a alma e o coração, semeando as ilusões, dando-nos esperança, ou pior ainda:- o sonho.
 Nascem sentimentos de crença e confiança, ganham-se forças e soltam-se algumas gargalhadas nos trilhos indecifraveis da vida.
 
Facilmente nos vemos  seduzidos por esta facilidade ou felicidade aparentemente fácil com que que a vida nos engana.
 Mais tarde ou mais cedo, começa a cobrar com juros e impostos tudo o que deu. Ninguém dá nada a ninguém sem um interesse, nem mesmo a vida.
 E essa factura vem sob várias aparências, é cruel, gosta de gerar a confusão, tirar-nos toda a ilusão ,assim como todas as forças.
 Decepciona-nos com as portas que nos fecha . Abandona-nos nos nossos piores momentos.
 Arrasa-nos quando nos sentimos impotentes face a ela. Derruba-nos, deitando por terra  as nossas forças
 e abandona-nos quando mais precisamos de uma mão amiga para nos salvar do abismo.
Ficamos assim , na sarjeta da vida, sós, desorientados, incompreendidos,  marginalizados.
Temos de ir buscar forças onde não as temos  para a preservarmos, para encontrarmos a razão para continuar o caminho da vida.
Tentamo-nos Agarrar aos bons momentos para ultrapassar os maus e temos que tentar dar a volta por cima.

 

by Samokal

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tristeza

por samokal, em 12.04.11

Por vezes  a tristeza e o desanimo invadem o meu coração!
O coração pode sangrar, os olhos lacrimejar, mas eu luto contra isso!
Não necessito de ninguem ,procuro dentro de mim uma energia ...um novo objectivo !!
Tento interiorizar o que de bom ainda me pode acontecer
funciona como musica na minha vida , que entranha  nos meus ouvidos,gira na minha cabeça
 ludibriando-me todos os  sentidos.  são Momentos mágicos, extasiantes,
que me  embalam pelo ritmo,e assim continuo , sinto o corpo mais leve, quase que flutuando,
 sinto-me livre, sinto-me forte. Desvio todos os  olhares, não quero ver, sinto-me só mas em total paz.
Os momentos felizes já passados alegram-me a alma e dão-me esperança que novos dias virão !
Continuo sereno, num ritmo certo e confiante . Vivo só para mim, é por isso que me liberto.
O coração bate com emoção, a minha alma feliz,solta-se . Gosto dessa sensação que me aquece
o coração,que me da ânimo para continuar !!!

 

by samokal

Autoria e outros dados (tags, etc)

menina agridoce

por samokal, em 10.04.11

"Olho para as paredes nuas , para nao ter lembranças , sem o relogio , que eu tanto consulto , marcando as horas da tua ausencia !! Lembro-me da nossa cama, com o lençol da ultima vez que nos deitamos , na derradeira noite que nos amámos !Imagino ainda a mesa posta , com os pratos  em que jantámos , exaltando o odor do desgosto que se apossou de mim ! os meus olhos estão sem brilho pelas lagrimas derramadas por estes dias sem fim ...Em breve talvez eu volte a viver e sentir que neste mundo é esta a realidade , que alem do amor , dos risos , da felicidade , existe a dor , existe magoa , existe a saudade ...!"

         

Autoria e outros dados (tags, etc)


Passaram cá ...

counters


Mais sobre mim

foto do autor





Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D